VESTIBULAR 2018.1 SAIBA + X (24) 9 9882-0921


O Curso

O curso em questão apresenta uma proposta curricular dinâmico-dialógica, na qual toda ação pedagógica esta vinculada diretamente ao atual debate sobre os caminhos para a formação de professores no país, aos condicionantes históricos e às expectativas da comunidade. Enquanto política institucional de formação de professores, a proposta busca expressar, de forma realista e democrática, a meta possível de formar os licenciados em Pedagogia, futuros profissionais da educação, para atuarem e enfrentarem os desafios da construção de uma educação humanizadora e emancipatória e que permita acompanhar a evolução e demandas dos contornos contemporâneos.


Perfil Profissional

Em consonância com as necessidades profissionais e sociais do setor, bem como, com o proposto nas Diretrizes Curriculares Nacionais, buscar-se-á na formação do licenciado em Pedagogia, um profissional que, além dos domínios dos conhecimentos necessários a sua atuação, seja capaz de ter:

  • Compreensão ampla e consistente do processo educativo, formal e não formal;
  • Capacidade de formular e encaminhar soluções de problemas educacionais;
  • Capacidade de articular as diferentes áreas de conhecimentos no campo educacional;
  • Capacidade de articular ensino e pesquisa com atividades de extensão;
  • Capacidade de desenvolver metodologias adequadas às necessidades educativas atuais;
  • Atitude ética na atuação profissional;
  • Capacidade de atuar no planejamento das diferentes ações da prática educativa;
  • Capacidade de gerir e coordenar ações técnicas e administrativas no campo da educação formal e não formal;
  • Capacidade de compreender a avaliação como processo educativo tanto no âmbito do rendimento escolar, quanto institucional;
  • Capacidade de atuar criativamente no âmbito educacional;
  • Capacidade de desenvolver atitudes empreendedoras no campo profissional;
  • Capacidade de atuar cientificamente sobre a realidade educativa;
  • Capacidade de atuação docente com enfrentamento de problemas de aprendizagem;
  • Capacidade de atuar interdisciplinarmente;
  • Capacidade de elaborar e implementar projetos de natureza pedagógica;
  • Capacidade de análise dos conteúdos curriculares da educação básica;
  • Capacidade de intervir na organização da escola e do trabalho escolar.


Mercado de Trabalho

Este profissional atua na docência da educação infantil nos anos iniciais do ensino fundamental, nas disciplinas pedagógicas do ensino médio, na gestão e planejamento escolar, no desenvolvimento, implementação e avaliação de projetos educacionais em diferentes níveis e áreas. O campo de atuação do Pedagogo é amplo e diversificado. Podendo atuar nas seguintes áreas:


  • Docência na Educação Infantil e nos Anos Iniciais do Ensino Fundamental;
  • Docência no Ensino Médio – modalidade Normal(antigo magistério), para lecionar as disciplinas pedagógicas;
  • Supervisor Pedagógico;
  • Orientador pedagógico / educacional;
  • Inspetor escolar/educacional;
  • Administrador escolar;
  • Espaços não-escolares, como por exemplo: DETRAN, Correios, Polícia Militar, Petrobrás, ONG`s, Mídias em Geral (TV, rádio, jornal, internet, etc) SESI, SENAI, SESC, Hospitais, etc;
  • Desenvolvimento de projetos educacionais para diversas área.

Ato autorizativo: Renovação de reconhecimento: Portaria Nº 1.091 de 24/12/2015. Data de Publicação: 30/12/2015.

* Valor referente ao desconto para pagamento até o 1º dia útil do mês da mensalidade


INSCREVA-SE!

DURAÇÃO: 8 semestres
MENSALIDADE (NOTURNO): R$ 702,5*
CONCEITO MEC: 4

INSCREVA-SE

COMO PROCEDER:

  • Após finalizar a inscrição no processo seletivo, pague a taxa de inscrição, imprima o comprovante e compareça na data de sua avaliação;
  • O resultado será divulgado no Painel do Candidato, disponível no site, vestibular.faa.edu.br, conforme data informada no Edital do processo seletivo vigente.
  • Após a notificação de aprovação, dirija-se a Secretária Geral do Centro de Ensino Superior de Valença - CESVA/FAA - Rua Sargento Vitor Hugo, 161, Fátima - Valença/RJ,  de segunda a sexta-feira, das 9h às 20h, com os documentos necessários para a matrícula.
 

Confira o edital abaixo.

Ver Arquivo

Para você que já começou a estudar em outra instituição de ensino e tem interesse em se tornar aluno do Centro de Ensino Superior de Valença, o CESVA/FAA aceitará transferência de alunos regulares de instituição nacional, para prosseguimento dos estudos no mesmo curso ou em curso afim, desde que requerida no prazo fixado no Calendário Acadêmico*.

Confira aqui as vantagens:

30% de desconto nas mensalidades até o final do curso (exceto para o curso de Medicina).**

Ingresso sem necessidade de realização de prova (exceto para o curso de Medicina).


Documentação necessária para análise:


  • Carteira de Identidade
  • CPF
  • Histórico escolar
  • Programa das disciplinas cursadas
  • Declaração de regularidade acadêmica
  • Declaração de situação junto ao ENADE

A documentação pertinente à transferência deverá ser original.



*Mediante ao edital do processo seletivo e havendo vagas.

**Exceto nas mensalidades de janeiro e julho, desconto não cumulativo com outros benefícios.

Para você que já concluiu a graduação de ensino superior e quer continuar a aprimorar os seus conhecimentos no Centro de Ensino Superior de Valença - CESVA/FAA - confira aqui as vantagens:


  • Portadores de diploma de outras Instituições:

30% de desconto nas mensalidades até o final do curso (exceto para o curso de Medicina),*


  • Portadores de diploma do CESVA/FAA:

50% de desconto nas mensalidades até o final do curso (exceto para o curso de Medicina).*


Ingresso sem necessidade de realização de prova (exceto para o curso de Medicina).**


Documentação necessária (original e cópia):

Diploma e Histórico da Graduação

Certificado Conclusão do Ensino Médio

Histórico Escolar do Ensino Médio

Cédula de Identidade

CPF

Título de Eleitor

Certidão de Nascimento ou de Casamento

Comprovante de Residência

Uma foto 3 x 4.

Documento de Regularidade Militar

  

*Exceto nas mensalidades de janeiro e julho, desconto não cumulativo com outros benefícios.

**Mediante ao edital do processo seletivo e havendo vagas.

Curso: Licenciatura em Pedagogia


Carga Horária Total: 3200 horas


Duração do curso: Mínimo: 8 semestres


Acesse a grade Curricular do Curso.

Ver Arquivo

Conheça o corpo docente que integra o curso de Pedagogia:


Adriana Glória de Sant’anna da Rocha - Currículo Lattes

Carolina Augusta Assumpção Correa - Currículo Lattes

Denise Barra Medeiros - Currículo Lattes

Euridina Ramos Vidal - Currículo Lattes

Francisco José Lacerda Gonzaga - Currículo Lattes

Lenilson Vidal de Souza - Currículo Lattes

Lucimeri Maurício Ribeiro - Currículo Lattes

Marilane Ferreira Confort de Almeida - Currículo Lattes

Mônica Carvalho Teixeira - Currículo Lattes

Rabib Floriano Antonio - Currículo Lattes

Raimundo Cesar de Oliveira Mattos -  Currículo Lattes

Tauller Augusto de Araújo Matos - Currículo Lattes

Mônica de Carvalho Teixeira - Currículo Lattes

Doutoranda em Educação pela Universidade Federal de Juiz de Fora com ênfase nos Estudos da Infância; Mestre em Educação pela Universidade Católica de Petrópolis, tendo ênfase na Educação à Distância e, graduada em Pedagogia pela Universidade Federal de Juiz de Fora. Desde 2011 é Professora e Coordenadora do curso de Licenciatura em Pedagogia da Faculdade de Educação Tecnológica do Estado do Rio de Janeiro (FAETERJ/Três Rios).

Desde 2015 é Professora e Diretora do curso de Licenciatura em Pedagogia do Centro de Ensino Superior de Valença - CESVA/FAA.



O Programa Universidade para Todos (ProUni) foi criado em 2004, pela Lei nº 11.096/2005, e tem como finalidade a concessão de bolsas de estudos integrais e parciais a estudantes de cursos de graduação e de cursos sequenciais de formação específica, em instituições privadas de educação superior.


De acordo com o Ministério da Educação, para ingressar no Prouni é necessário cumprir os requisitos previstos pelo MEC e participar do processo seletivo.

 

- Quais são os requisitos para ser bolsista do Prouni?

Podem participar do Prouni os estudantes brasileiros que não possuam diploma de curso superior e que atendam a pelo menos uma das condições abaixo:

  • ter cursado o ensino médio completo em escola da rede pública;
  • ter cursado o ensino médio completo em escola da rede privada, na condição de bolsista integral da própria escola;
  • ter cursado o ensino médio parcialmente em escola da rede pública e parcialmente em escola da rede privada, na condição de bolsista integral da própria escola privada;
  • ser pessoa com deficiência;
  • ser professor da rede pública de ensino, no efetivo exercício do magistério da educação básica e integrando o quadro de pessoal permanente da instituição pública e concorrer a bolsas exclusivamente nos cursos de licenciatura. Nesses casos não há requisitos de renda.

Para concorrer às bolsas integrais o candidato deve ter renda familiar bruta mensal de até um salário mínimo e meio por pessoa. Para as bolsas parciais de 50%, a renda familiar bruta mensal deve ser de até três salários mínimos por pessoa.


 - Como funciona o processo seletivo do Prouni?

O processo seletivo do Prouni é composto por duas fases: processo regular e processo de ocupação das bolsas remanescentes.

No processo regular pode se inscrever o candidato que tenha participado da edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) do ano imediatamente anterior e que tenha obtido, no mínimo, 450 pontos na média das notas das provas do Exame e nota acima de zero na redação.

No processo para ocupação das bolsas remanescentes pode se inscrever o candidato que:

  • seja professor da rede pública de ensino, no efetivo exercício do magistério da educação básica e integrando o quadro de pessoal permanente da instituição pública, para os cursos com grau de licenciatura destinados à formação do magistério da educação básica; ou
  • tenha participado do Enem, a partir da edição de 2010, e que tenha obtido, em uma mesma edição do referido exame, média das notas nas provas igual ou superior a 450 pontos e nota superior a zero na redação.

Em ambos os processos as inscrições são gratuitas e efetuadas exclusivamente pela internet, por meio da página do Prouni.

São realizados dois processos seletivos do Prouni por ano, um no primeiro semestre e outro no segundo semestre.


Para maiores informações, acesse os links abaixo:

Como funciona

Documentação

Cronograma


COLAPS

O que é Colaps?

Comissões Locais de Acompanhamento e Controle Social do Programa Universidade para Todos - Prouni.

São órgãos colegiados, de natureza consultiva instituídos em cada Instituição de Ensino Superior - IES participante do Prouni, com função preponderante de acompanhamento, averiguação e fiscalização da implementação local do Programa Universidade para Todos - Prouni nas IES, devendo promover também a articulação entre a CONAP e a comunidade acadêmica das IES participantes do programa, com vistas ao seu constante aperfeiçoamento.

2. Com qual finalidade veio a ser instituída as Comissões Locais do Prouni?

As Comissões Locais veem com a finalidade de aprimorar as relações acadêmicas entre os bolsistas Prouni e as Instituições de Ensino Superior - IES. Por serem instaladas em cada endereço de oferta de bolsas das IES participantes do Prouni, as Comissões Locais assim mais próximas a realidade acadêmica de cada IES, poderão atender os questionamentos da comunidade do Prouni levantados através de reclamações, denúncias, críticas e sugestões inerentes ao programa e dirigidas a Comissão. Desse modo foi estabelecido no Art. 2º da Portaria nº 1.132, a qual dispões sobre a Instituição das Comissões Locais de Acompanhamento e Controle Social do Programa Universidade para Todos - Prouni, que compete as Comissões Locais:

I - exercer o acompanhamento, averiguação e fiscalização da implementação do Prouni nas Instituições de Ensino Superior (IES) participantes do Programa;

II - interagir com a comunidade acadêmica e com as organizações da sociedade civil, recebendo reclamações, denúncias, críticas e sugestões para apresentação, se for o caso, a Comissão Nacional de Acompanhamento e Controle Social do Prouni - CONAP;

III - emitir, a cada processo seletivo, relatório de acompanhamento do Prouni.



Maiores informações:

PROUNI - EDITAL 2017

PROUNI - EDITAL 2016

ORIENTAÇÃO AOS CANDIDATOS - 2017

ORIENTAÇÃO AOS CANDIDATOS - 2016


RELAÇÃO DE CLASSIFICADOS DA LISTA DE ESPERA DO PROUNI - 1º SEMESTRE DE 2017

CLASSIFICADOS - LISTA DE ESPERA PROUNI - 1º SEMESTRE DE 2017


RELAÇÃO DE APROVADOS DA LISTA DE ESPERA DO PROCESSO SELETIVO PROUNI - 1º SEMESTRE DE 2016

APROVADOS DA LISTA DE ESPERA DO PROUNI - 1º SEMESTRE DE 2016

Para ingresso no Centro de Ensino Superior de Valença - CESVA/FAA - o candidato poderá realizar o aproveitamento de resultado obtido no Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM).

Os candidatos que optarem pelas vagas do ENEM deverão se inscrever no Processo Seletivo do CESVA/FAA e declarar esta opção no momento da inscrição.

Para utilizar a nota do ENEM, além de indicar essa opção no formulário de inscrição, o candidato deverá entregar o comprovante legal (boletim de desempenho do ENEM) na Secretaria Geral do CESVA/FAA.

O ano em que o resultado do ENEM será considerado, bem como o percentual de vagas destinadas aos candidatos e valor da média mínima atribuível ao conjunto de provas será determinado pelo edital vigente.


*O aproveitamento da nota do ENEM é válido apenas para ingresso na Instituição, não valendo para descontos nas mensalidades.




FAA - FUNDAÇÃO EDUCACIONAL D. ANDRÉ ARCOVERDE | CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DE VALENÇA
R. SARGENTO VITOR HUGO, Nº 161 | FÁTIMA - VALENÇA/RJ | CEP 27600-000 | TELEFONE: (24) 2453-0700

COPYRIGHT 2017 - CESVA FAA

WEBSITE DESENVOLVIDO POR